Leia também...

Comunicado às Paróquias de Leiria e Cruz da Areia

Atualizado a 13 de março de 2020 Como cristãos, neste momento que vivemos, sentimos uma responsabilidade cívica acrescida de velar, não só por cada um de nós, mas, sobretudo, pelos mais frágeis e vulneráveis e

Ler mais

Duas paróquias, a mesma Missão!

Nos passados dias 15 e 16 de fevereiro, as paróquias de Leiria e Cruz da Areia rumaram a Torres Novas e, na casa das irmãs de S. José de Cluny, encontraram-se no seu Retiro Espiritual Anual com o tema “Ide!.. Eu estarei sempre convosco”.

Ler mais

Celebração do dia de Baden Powell

O fundador do escutismo, Baden Powell (B. P.), nasceu a 22 de fevereiro e, próximo da data do seu aniversário, as várias regiões celebram o Dia do Fundador.  Na nossa Região de Leiria-Fátima, a celebração do Dia de B.P. ocorreu no Domingo, dia 1 de março, na cidade de Leiria, sob o tema “São Rosas B.P….São Rosas”. Este tema foi inspirado no milagre das rosas da Rainha Santa Isabel, que, indo distribuir pão aos pobres, foi confrontada pelo seu marido, que não aprovava esses gestos de caridade e acabou por mentir-lhe dizendo que o que levava eram rosas. “São Rosas Senhor… São Rosas”, e, por milagre, o pão que levava transformou-se realmente em rosas.  

O dia foi organizado pelo Agrupamento 127 da Sé de Leiria, que comemora este ano 60 anos de existência, estando, por isso, também de Parabéns!  As comemorações iniciaram com a celebração da eucaristia, no Estádio de Leiria, presidida pelo Cardeal D. António Marto, que falou aos escuteiros sobre as tentações atuais, como o bullying, o ficar viciado nas novas tecnologias, entre outras, e, por outro lado, de como é belo ser Escuteiro. A eucaristia contou com a presença de várias entidades, entre elas o Presidente da Câmara de Leiria, Dr. Gonçalo Lopes, e o Chefe Nacional, Ivo Faria. No final da eucaristia, o Chefe de Agrupamento do Agrupamento nº127, da Sé de Leiria, Joel Valente,  dirigiu algumas palavras aos presentes. Agradeceu a presença de todos e desejou “Boa Caça” aos escuteiros que, à tarde, iriam “transformar Pão em Rosas”. Os escuteiros foram convidados a doar e/ou angariar bens não perecíveis para serem entregues a instituições de solidariedade social. Durante a tarde de jogos que se estendeu pela cidade de Leiria, foram recebendo rosas. Essas rosas depois foram simbolicamente trocadas pelos bens e os agrupamentos entregaram-nos às instituições. 

No encerramento, ainda houve tempo para recordar o que simboliza a saudação escutista com os dedos indicador, médio e anelar direitos, relembrando aos escuteiros os três compromissos da sua promessa escutista: “Honrar os meus compromissos para com Deus, a Igreja e a Pátria; Auxiliar o meu semelhante em todas as circunstâncias; Obedecer à Lei do Escuta.” e o dedo polegar sobre o mindinho, recordando que o mais forte tem o dever de proteger o mais fraco. 

A Rainha Santa Isabel é um modelo de vida, símbolo de oração, de compromisso pela paz e de serviço aos pobres. A espiga da qual surge o pão simboliza o trabalho para transformar o fruto em algo concreto e que alimenta. Foi neste espírito que os nossos escuteiros viveram este dia de B.P. 2020.